Produção de algodão da Bahia atrai investidores

 

A produção de algodão da Bahia tem atraído até mesmo investidores internacionais. O que chama a atenção é a agricultura moderna, que busca mais produtividade e o bem estar dos trabalhadores.

A qualidade do algodão cultivado no oeste baiano atraiu o empresário português Paulo Mota. Em 2004, ele veio ao Brasil conhecer as lavouras de onde comprava matéria-prima para a indústria têxtil. Foi em Luís Eduardo Magalhães que decidiu investir também na agricultura. Agora, já está na sexta safra de algodão.

— Uma parte dele é destinada a nossas indústrias em Portugal. O restante é todo para exportar para o mercado asiático principalmente — disse o produtor.

No último plantio, o tempo não ajudou. Mota e os agricultores tiveram uma quebra de 25% na colheita.

Ao contrário de 2009, quando a chuva atrapalhou a produção de algodão no oeste baiano, os produtores acreditam que este ano vão ter uma safra melhor. A expectativa é de colher em torno de 4000 mil kilos por hectare.

— Nós teremos uma safra diferente do que foi a safra do ano passado e voltaremos a ter uma produtividade de alguma coisa em torno de 270 arrobas. Acreditamos que, dentro desse contexto, nós teremos uma safra recorde — disse o presidente da Associação Baiana dos Produtores de Algodão, José Carlos Jacobsen.

O segredo da economia de Luís Eduardo Magalhães, a décima da Bahia, se deve, em grande parte, ao investimento feito no agronegócio. Produtores rurais interessados em conquistar mercados. Esta semana, eles aderiram ao Programa Socioambiental do Algodão. O compromisso de preservar a natureza e garantir qualidade de vida aos trabalhadores já foi assumido por agricultores de São Paulo, Mato Grosso do Sul, Goiás e Minas Gerais.

— Hoje as questões ambientais e sociais são muito importantes não só no Brasil, mas principalmente lá fora. Como um grande exportador, é muito importante que a gente tenha como mostrar que o Brasil produz algodão com responsabilidade social e ambiental — explica o presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Algodão (Abrapa), Haroldo Cunha.

A equipe do Canal Rural viajou para a Bahia a convite da Abrapa.

 Ascom – Armênio

Fonte: Canal Rural 

12 comentários sobre “Produção de algodão da Bahia atrai investidores

  1. Thanks for some other informative blog. Where else may just I get that kind of information written in such an ideal
    method? I’ve a mission that I am simply now operating on, and I’ve been on the look out for
    such info.

  2. Hi, I do think this is a great site. I stumbledupon it 😉
    I’m going to return once again since i have bookmarked it.
    Money and freedom is the greatest way to change, may you be
    rich and continue to help other people.

  3. I’m not sure exactly why but this weblog is loading incredibly slow for me.

    Is anyone else having this issue or is it a problem on my end?
    I’ll check back later and see if the problem still exists.

  4. When I originally commented I clicked the “Notify me when new comments are added” checkbox and now each time
    a comment is added I get three e-mails with the same comment.
    Is there any way you can remove me from that service? Many
    thanks!

  5. Hey I know this is off topic but I was wondering if you knew of any widgets I could add to my blog
    that automatically tweet my newest twitter
    updates. I’ve been looking for a plug-in like this for quite some time and was hoping maybe you would have some experience with
    something like this. Please let me know if you run into anything.
    I truly enjoy reading your blog and I look forward to your new updates.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *