Ceará produzirá cacau para empresa francesa de chocolate

0

Sierra Exif JPEGO perímetro irrigado de Tabuleiro de Russas, no semiárido cearense, que se destaca com suas principais culturas da melancia, melão, banana e outros, começará a produzir cacau. A iniciativa do projeto é da Agrícola Famosa, umas das maiores exportadoras de frutas frescas do país, em parceria com uma empresa francesa do ramo de chocolates.

Sediada parte em Icapuí (CE) e em Tibau (RN), na divisa dos dois Estados, a Famosa possui nove unidades de produção espalhadas pela região e em Pernambuco. A Agrícola Famosa investiu R$ 800 mil no projeto do cacau e aplicou a técnica de irrigação por gotejamento e com fertirrigação, como já acontece na produção de frutas da empresa.

O primeiro plantio de cacau deverá ser feito em junho e julho deste ano em área de 55 hectares no perímetro de Russas. Mas, o objetivo é chegar a 1,5 mil hectares. A empresa francesa entrará com a parte da genética e a Famosa com o conhecimento que já possui do solo da região.

O perímetro de Tabuleiro de Russas gerenciado pelo Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) – órgão vinculado ao Ministério da Integração Nacional, foi escolhido por oferecer água de boa qualidade em termos de salinidade, o que é raro na região. Para o melão a salinidade da água não faz muita diferença por ser de ciclo muito curto, mas para o cacau, que é de uma cultura perene, essa qualidade é fundamental. Outro grande diferencial é o plantio a céu aberto com grande densidade de plantas por hectare e em condições bem diferentes de onde se produz atualmente.

A notícia de que o consumo de cacau no Brasil está crescendo e a produção diminuindo foi um dos motivos que levaram a empresa brasileira a investir nessa cultura. “Apesar de ser uma commodity não relacionada com nossa produção, que é de frutas frescas, entendemos que existe a possibilidade de adaptarmos nosso conhecimento em fertirrigação dos melões para a cultura do cacau. A expectativa é termos uma produtividade bem acima da que vem se obtendo nas regiões tradicionalmente produtoras”, destaca Luiz Roberto Barcelos, diretor institucional da Agrícola Famosa.

Para o secretário nacional de Irrigação, Miguel Ivan, a nova política de irrigação trilha um caminho de cooperação e de modernização tecnológica. “Arelação entre governo e iniciativa privada leva ganhos para toda a população e trata o desenvolvimento regional como meta a ser perseguida por toda a sociedade. Boas diretrizes já trazem bons resultados”, enfatiza Miguel.

Técnica de gotejamento

O gotejamento é um sistema de irrigação que possui grande potencial de desenvolvimento na olericultura e fruticultura praticadas no Brasil, especialmente em condições menos favoráveis de clima, solo e disponibilidade de água, por aplicar água em pequena quantidade, com alta frequência e próxima às raízes, proporcionando economia de água e melhor qualidade dos produtos.

A fertirrigação é a aplicação de fertilizantes via água de irrigação, aproveita a elevada uniformidade potencial de aplicação de água para garantir também boa uniformidade na aplicação de fertilizantes. O parcelamento da adubação em várias aplicações possibilita ainda fornecer às plantas os nutrientes necessários ao seu desenvolvimento no momento mais adequado e em uma forma solúvel, de fácil absorção.

Fonte: Mercado do Cacau
Decom: Fabiana

Os comentários estão desativados.