Agricultores familiares contam com seguro para investimento

A partir do Plano Safra da Agricultura Familiar 2010/2011, os produtores que acessam o Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) contam com uma nova modalidade do Seguro da Agricultura Familiar (Seaf), voltada para as operações de investimento. Assim como nas operações de custeio seguradas, o Seaf Investimento cobre perdas provocadas por estiagem, chuva excessiva, granizo, geada, ventos fortes, variação excessiva de temperatura e outros eventos agroclimáticos.

A medida aprovada pelo Conselho Monetário Nacional, em vigor desde 1º de julho, também atende operações de investimento contratadas após 1º de julho de 2007. A adesão do agricultor familiar ao Seaf Investimento é opcional e será realizada no momento da contratação do financiamento de custeio agrícola. O valor da adesão corresponde a 2% da parcela do financiamento de investimento a ser segurada, que será financiado na operação de custeio agrícola.

Se houver sinistro, o agricultor familiar deve fazer a comunicação de perdas. A vistoria na lavoura e demais procedimentos de cálculo da indenização são realizados pelo banco que realizou a operação.

Ascom – Armênio

Fonte:  MDA
 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *